Os NFTs continuam a atrair a atenção e quebrar novos recordes. Depois dos Bored Ape Yatch Club (BAYC), agora é a vez dos Crypto Punks. De acordo com informações, o Crypto Punk #5822 foi adquirido por 8 mil Ether (ETH), cerca de US$ 23,7 milhões.

Em reais, a compra equivale a R$ 123 milhões. A título de comparação, o Bored Ape mais caro vendido até hoje custou US$ 2,9 milhões. Ou seja, quase dez vezes menos do que o CryptoPunk.

Quem adquiriu a obra foi Deepak Thapliyal, CEO do Chain Protocol. Ele confirmou a compra no Twitter e disse que o NFT foi adquirido por meio do protocolo Compound.

 

Thanks to @CompoundFinance I am able to still HODL #ETH while buying this. Basically Long’d ETH to punk-in ?. #DeFi FTW

— Deepak.eth ⛓ (@dt_chain)

Negociando com renda passiva

Thapliyal utilizou um sistema de renda passiva para adquirir o Crypto Punk. Esse sistema permitiu a compra enquanto os ETH continuam sob posse do executivo.

Nesse sentido, o CEO utilizou um sistema de alavancagem para tomar os 8 mil ETH emprestado. Dessa forma ele conseguiu pagar o NFT e manter seus ETH no longo prazo. Com o sistema de alavancagem, Thapliyal precisará apenas honrar com o pagamento do empréstimo.

Vale a pena destacar que Thapliyal comprou o parecido com mais raro de Crypto Punk, o tipo alienígena. Dos 10 mil NFTs que formam a coleção, apenas nove (0,09%) são desse tipo. Esta raridade explica o alto preço, sendo agora um novo recorde para os NFTs.

Sem fama, porém ricos

Os Crypto Punks possuem 10 mil imagens pixeladas, cada uma representando uma categoria de Punk diferente. Os Aliens são o como mais raro; de fato, dois desses Crypto Punks estão na lista dos NFTs mais caros da história.

No entanto, os Crypto Punks não possuem o mesmo apelo de mídia que os seus rivais do BAYC. Por isso que esses NFTs não costumam ser adquiridos por artistas e outras celebridades. O que eles não possuem de marketing, possuem de valor financeiro.

A indústria NFT registrou um crescimento no ano passado, resultando em negociações que chegaram a casa dos milhões de dólares.