El Salvador paga dívida de 4 bilhões, apesar da baixa do Bitcoin
El Salvador paga dívida de 4 bilhões
Bitcoin, Criptomoedas, News

El Salvador paga dívida de 4 bilhões, apesar da baixa do Bitcoin

Desde que El Salvador adotou o Bitcoin (BTC) como moeda oficial, as notícias alertando para supostos calotes na dívida do país aumentaram. No entanto, o presidente Nayib Bukele revelou que o governo de El Salvador paga dívida de 4 bilhões (US$ 800 milhões, ou cerca de R$ 4 bilhões em valores atuais).

Os valores correspondem a títulos de dívidas emitidos pelo país e vencem em janeiro. De acordo com Bukele, El Salvador pagou os títulos na segunda-feira (23), mesmo dia do vencimento. Em seu estilo polêmico, Bukele anunciou o pagamento da dívida no Twitter.

“No ano passado, quase todos os meios de comunicação internacionais tradicionais disseram que, devido à nossa “aposta no Bitcoin”, El Salvador entraria em default de sua dívida até janeiro de 2023. Bem, nós pagamos US$ 800 milhões integralmente, mais os juros”, disse Bukele.

Bukele também citou vários artigos na imprensa que apontavam para um calote por parte do governo salvadorenho. Os jornalistas apontavam a desvalorização do BTC como uma das razões para um eventual calote, mas o governo conseguiu pagar.

“Pagamos integralmente”

No mesmo Twitter, Bukele lamentou que a maioria dos meios de comunicação internacionais não se interessou em divulgar a notícia do pagamento. Simultaneamente, eles estavam entre os primeiros a duvidar se o país conseguiria pagar a dívida.

Bukele se referiu especificamente ao The New York Times, que afirmou em julho do ano passado que a decisão de El Salvador de comprar bitcoin ao nível macroeconômico poderia prejudicar sua rede monetária e impedi-lo de pagar sua dívida.

Além disso, o presidente afirmou que o país quitou a dívida utilizando as suas finanças. Ou seja, sem precisar recorrer ao Fundo Monetário Internacional (FMI), um dos maiores críticos do país. De fato, o FMI alertou para o país abandonar o BTC há exatamente um ano.

O CEO da Binance, Changpeng Zhao (CZ), parabenizou El Salvador por cumprir suas obrigações financeiras. Já Alejandro Zelaya, ministro das Finanças do país, confirmou o pagamento dos títulos e também criticou a imprensa.

“Infelizmente, para a campanha de desinformação de alguns meios de comunicação (inter)nacionais, anunciamos que neste dia concluímos o pagamento dos títulos de 2023 no valor de US$ 800 milhões, mais juros”.

No total, além dos US$ 800 milhões, o governo afirma que pagou US$ 604,1 milhões e juros de US$ 23,4 milhões. Ou seja, o país arcou com quase US$ 900 milhões em pagamentos.

El Salvador: a terra do Bitcoin

O governo de El Salvador fez do BTC sua moeda oficial em setembro de 2021. Desde então, a criptomoeda rompeu sua máxima histórica, mas depois entrou num período de baixa. Somente em 2022, o preço do BTC caiu cerca de 75%.

Mesmo assim, as autoridades salvadorenhas permaneceram favoráveis à criptomoeda. O país acumulou reservas de 2.381 BTC, que hoje valem cerca de US$ 54 milhões. Só que o número pode ser maior, já que o presidente Bukele prometeu que o governo compraria um BTC por dia em meados de novembro.

O problema é que El Salvador gastou mais de US$ 103 milhões para acumular seu estoque ao longo dos últimos meses. Isso significa que as reservas do país perderam cerca de 46% de seu valor.

 

Posts relacionados

Deixe um comentário

Campos obrigatórios estão marcados *